4 erros para evitar ao escolher onde conseguir capital de giro

Onde conseguir capital de giro: principais erros na hora de negociar

onde-conseguir-capital-giro

Se você é dono de uma pequena empresa, precisa de financiamento de capital de giro para manter suas operações diárias em andamento. Mas onde conseguir capital de giro?

Antes de sair em busca de um financiamento, vamos voltar e analisar mais de perto o que é capital de giro e como ele pode ajudar sua empresa.

Veja a definição técnica de capital de giro: é a diferença entre seus ativos atuais (incluindo dinheiro em caixa, contas a receber e estoque) e seus passivos atuais (incluindo pagamentos devidos a seus fornecedores e outras dívidas). 

Veja a fórmula básica: Capital de giro = ativo circulante – passivo circulante.

Em termos simples, o capital de giro refere-se a fundos que você pode usar para as necessidades diárias de negócios, desde pagar a seus funcionários, comprar suprimentos para responder a emergências inesperadas ou até mesmo oportunidades.

Se você tem muito dinheiro em sua conta bancária, não há problema. Mas se você for como a maioria dos proprietários de pequenas empresas, é importante ter acesso rápido e conveniente a onde conseguir capital de giro.

Onde conseguir capital de giro: 4 erros que você deve evitar

erros-emprestimo-capital-de-giro

O capital de giro representa a quantia de dinheiro que você tem disponível para pagar suas despesas operacionais. Esses custos incluem folha de pagamento, suprimentos, aluguel, taxas de terceirização e outras despesas. 

Se você puder cobrir esses custos, poderá usar os fundos restantes para investir no crescimento de seus negócios.

Por outro lado, se você não tiver dinheiro suficiente para atender às suas despesas diárias, poderá enfrentar dificuldades financeiras. É aqui que entra em jogo o financiamento de capital de giro. 

Se você precisar de dinheiro para cumprir suas obrigações de curto prazo e dar à sua empresa uma proteção monetária, talvez queira pesquisar as opções disponíveis de onde conseguir capital de giro.

Com isso em mente, você pode ficar no topo, evitando estes quatros erros comuns que os pequenos empresários fazem quando procuram financiamento de capital de giro.

1. Falta de um plano de negócios sólido

Isso pode parecer bastante óbvio, mas se sua empresa for uma empresa iniciante, você deve ter um plano de negócios antes de buscar onde conseguir capital de giro. De fato, muitos credores exigirão isso antes de aprovar sua inscrição.

Um plano de negócios bem concebido deve incluir uma visão geral do seu negócio, uma revisão de seus produtos e serviços, seu mercado-alvo, receita e fluxo de caixa até a data e finanças projetadas. 

Todas essas informações ajudarão seu credor em potencial a entender o quanto você realmente precisa pedir emprestado e, dependendo do tipo de financiamento que você solicitar, ele também pode incluir sua taxa de juros.

2. Não entender o melhor tipo de financiamento para suas necessidades

Quando se trata de financiamento, há uma infinidade de tipos diferentes de opções de financiamento disponíveis hoje. Portanto, antes de garantir onde conseguir capital de giro, é importante entender qual tipo de produto de financiamento é melhor para você.

Os três dos tipos mais populares de financiamento incluem empréstimos a prazo, linhas de crédito empresariais e fomento mercantil.

Dependendo das necessidades operacionais da sua empresa, muitas vezes você pode garantir uma linha de crédito ou fomento mercantil dentro de alguns dias a partir de um financiador online alternativo. 

O fomento mercantil, por outro lado, é muitas vezes a melhor solução para as necessidades de capital de giro, especialmente se você vende produtos ou serviços para outras empresas. 

Se você não estiver familiarizado, o fomento mercantil é um tipo de financiamento que permite que você receba o pagamento imediatamente de suas faturas pendentes, liberando seu fluxo de caixa para pagar suas despesas diárias. 

Não há taxas ocultas e você pode optar por financiar as faturas que desejar. Muitas vezes, a capacidade de transformar as faturas em dinheiro imediato é a maneira ideal para as pequenas empresas cobrirem as lacunas de fluxo de caixa e manterem as operações diárias funcionando sem problemas.

Depois de determinar o tipo certo de financiamento para o seu negócio, você poderá pesquisar onde conseguir capital de giro, selecionar os melhores financiadores e, por fim, escolher o melhor parceiro financeiro para você.

3. Não ter informações de crédito atualizadas

Antes de se inscrever para qualquer tipo de financiamento, é uma boa ideia saber sua pontuação de crédito e garantir que as informações em seu relatório de crédito sejam precisas.

Embora os credores tenham critérios diferentes para a aprovação de candidatos, eles geralmente verificam a pontuação de crédito antes de aprovar empréstimos, linhas de crédito e outros tipos de financiamento. Se você tem uma pontuação de crédito alta, é mais provável que você seja aprovado por vários credores.

E se você tiver uma pontuação de crédito baixa? Não se desespere. Você ainda tem opções. Muitos credores não exigem que os candidatos tenham uma alta pontuação de crédito. 

O ponto importante: faça sua pesquisa e obtenha uma cópia gratuita do seu relatório de crédito. Dessa forma, você pode trabalhar para corrigir quaisquer erros que possam afetar negativamente seu crédito. 

Você também saberá sua pontuação de crédito com antecedência e isso ajudará você a encontrar onde conseguir capital de giro que aprove sua solicitação de financiamento.

4. Estar despreparado quando você se aproximar de um credor

Depois de se concentrar em onde conseguir capital de giro para você, é importante que você faça sua lição de casa antes de solicitar o financiamento. 

Isso poupará seu tempo e o estresse de tentar organizar sua documentação no último minuto. Embora os credores tenham critérios diferentes para os tipos de documentos que precisam ver, é uma boa ideia reunir o seguinte antes:

  • Seu plano de negócios;
  • Declarações fiscais dos últimos três anos;
  • Demonstrações financeiras do último ano;
  • Documentação legal, como contratos de franquia, registros de incorporação e acordos comerciais pertinentes

Lembre-se: embora o seu credor possa não exigir todos esses documentos, pelo menos você estará preparado para solicitar o capital de giro necessário.

Conclusão

Escolher onde conseguir capital de giro e a opção de financiamento para sua pequena empresa pode parecer complicado.

No entanto, seguindo os conselhos oferecidos aqui, você evitará erros comuns. Assim, você estará preparado para garantir o financiamento de capital de giro necessário para o seu negócio.

Se você é pequeno empreendedor, a Gyra+ realiza financiamentos online para empreendedores digitais atingirem todo o potencial do seu negócio.

Em três passos simples você pode ter aquela grana que precisa para investir mais no seu negócio:

  • indique o valor de empréstimo que precisa, em quanto tempo deseja pagar e seu e-mail;
  • conecte sua conta do Mercado Livre, Bling ou Skyhub;
  • a análise será realizada e, se aprovada, o dinheiro cai em até 72h na sua conta.

Faça uma avaliação no simulador de financiamento para empresas e descubra o crédito que cabe no seu negócio.