Como vender mais na B2W + 5 dicas para alavancar vendas

Como vender na B2W? Entenda como funciona o marketplace e dicas para vender mais

como-vender-na-b2w

Já imaginou vender seus produtos em grandes sites como Americanas, Submarino e Shoptime? Essas lojas virtuais hoje integram o grupo B2W, um dos maiores marketplaces do mercado brasileiro. Mas como vender na B2W e conquistar seu público-alvo?

Antes de chegarmos ao passo a passo para você aprender como vender na B2W, vale destacar que o processo de cadastro do seu negócio é gratuito. Ou seja, você não paga para estar dentro do marketplace.

Para que você fique por dentro de como funciona o marketplace da B2W vamos te ensinar:

  • Um passo a passo para se cadastrar na B2W
  • Como funciona o marketplace da B2W: requisitos, taxas. etc
  • E dicas de como vender mais na B2W adotando estratégias de vendas certeiras.

Continue a leitura e aprenda como vender na B2W e crescer seu negócio com vendas online.

Como funciona o marketplace da B2W

Como destacamos acima todo processo de cadastro no marketplace da B2W é gratuito. O pré-requisito principal é ser pessoa jurídica com CNPJ regularizado para emitir as notas ficais das suas vendas.

Depois de fazer o cadastro da empresa e dos produtos (explicaremos o passo a passo a seguir), você está pronto para começar a vender.

As vendas funcionam da seguinte forma: ao fazer uma venda a B2W faz análises de fraude e de pagamento de seus pedidos para garantir ao comprador que a venda é legítima. O pedido sendo aprovado na análise, o comprador recebe os dados do cliente e é responsável por todas as etapas seguintes:

  • geração da nota fiscal;
  • embalo e envio do produto;
  • suporte e atendimento ao cliente durante e pós-entrega.

E quais taxas a B2W cobra dos vendedores? Uma taxa de 16% é paga sobre o valor de cada venda efetuada. O lucro da venda após esse desconto fica disponível na conta B2W do vendedor que pode solicitar saques quinzenalmente.

As vantagens para os vendedores online em utilizar marketplaces para vendas são acesso a um tráfego mais qualificado da internet, poder fazer o acompanhamento online das vendas e ter uma estrutura completa e segura, sem ter que investir em um e-commerce próprio.

Mas os empresário que já possuem seu e-commerce podem integrá-lo com o marketplace via API para usufruir dessas vantagens também.

Se interessou em aprender como vender na B2W? Vamos ao passo a passo de como se cadastrar no site.

Passo a passo: como vender na B2W

Agora que você já sabe como funciona e como vender na B2W, vamos ao passo a passo de como cadastrar se cadastrar sua empresa na plataforma.

  • Preencha o formulário de cadastro com os dados da empresa;
  • Configure sua loja com os dados que aparecerão nos sites e o seu frete;
  • Cadastre seus produtos;

São três etapas simples não é mesmo? Faça-as com atenção e preencha todas as informações essenciais, principalmente as relacionadas aos produtos.

Esse detalhes farão a diferença na sua credibilidade de vendedor.

Dicas de como vender mais na B2W

A venda online em marketplaces tornou-se uma oportunidade de venda popular para varejistas que desejam mover produtos adicionais ou marcas de que desejam testar novos produtos.

Até mesmo fornecedores e fabricantes que procuram novas oportunidades de vendas a preços de varejo estão aproveitando os marketplaces online.

Independentemente do seu status – revendedor, fornecedor, marca, fabricante ou revendedor de outros produtos – existem algumas táticas que você deve seguir e dominar antes de entrar e oferecer seus itens à venda.

Os compradores julgam produtos pelo título

Um dos dois elementos mais essenciais de uma página de detalhes de um produto é seu título. Um título informa às pessoas sobre o que é seu produto.

Portanto, há muito espaço para usar algumas palavras-chave para ajudar na classificação do seu produto para os termos que os compradores costumam usar ao pesquisar seu tipo de produto.

Aqui estão os elementos para incluir no seu título:

  • Marca
  • Nome do produto
  • Quaisquer características distintas, como cor, tamanho ou uso

Por exemplo, se você vende uma chupeta azul, seu título pode ser algo assim:

Chupeta de Silicone Deluxe – BPA Free – Confortável para Bebês – Fácil para Pais – Conjunto de 2 Chupetas by Deluxe Baby Gear, Azul.

Sua meta para o título deve ser dupla:

  • para injetar algumas das melhores palavras-chave possíveis para o seu produto.
  • para educar os clientes melhor sobre o seu produto, antes mesmo de chegar à sua página.

Você pode usar ferramentas como o Planejador de palavras-chave do Google para encontrar palavras-chave relevantes para o tipo de produto e estimar o volume de pesquisas.

Você também pode começar a digitar uma palavra-chave na barra de pesquisa de um dos sites da B2W e analisar os resultados que aparecem abaixo como termos de pesquisa “recomendados”.

Imagens são ferramentas de reconhecimento emocional

Outra área crítica importante em uma página de detalhes do produto são as imagens.

As imagens, talvez mais do que qualquer outra coisa, podem fazer com que um comprador clique no seu item ou continue passando a barra de rolagem.

Para capturar o interesse do comprador e colocá-lo na sua página do produto (onde há uma taxa de conversão de 15%!), gaste tempo e esforço para usar imagens de alta qualidade para o seu produto.

Faça um esforço para usar todas as imagens de produtos oferecidos e não use imagens inferiores apenas para preencher todos os espaços permitidos.

Algumas dicas para imagens de produtos são:

  • Seu produto de diferentes ângulos (lado, topo, close-up);
  • A parte de trás do rótulo de um produto;
  • Imagens do seu produto em ação;
  • Imagens que listam os recursos do seu produto ou o comparam com outros produtos;
  • Imagens informativas com texto/gráficos, etc.;
  • Imagens que mostram o tamanho do seu produto em comparação a um ser humano segurando.

Engajamento não é apenas uma palavra de 11 letras (ou é?)

A área de descrição do produto talvez seja sua última chance de transformar um comprador em cliente da sua loja na B2W.

Apesar de sua importância em lojas independentes, a descrição do produto é frequentemente ignorada pelos compradores.

Você deve escrever de forma clara e sem erros de digitação ou ortografia, destacar certas palavras ou frases e facilitar a leitura de sua descrição, ao invés de criar um bloco de texto  agrupado.

Para isso, use o bullet points para marcar cada característica do produto, por exemplo.

Primeiras impressões importam mais

As avaliações podem afetar uma listagem de produtos de duas maneiras e devem ser uma de suas principais considerações de marketing.

1. Classificação média por estrelas

Primeiro, as avaliações afetam o canal da listagem de produtos por meio da classificação média por estrelas que aparece na parte superior da página de detalhes do produto.

Um produto com uma classificação média por estrelas de 4 ou 4,5 estrelas normalmente superará um produto similar com apenas 3 ou 3,5 estrelas.

Invista energia em todos os pontos do processo para que a satisfação do cliente seja atendida ou superada, aumentando as chances de uma boa avaliação.

2. Seção de avaliações

A seção “Avaliações”, localizada no final da página do produto na estrutura da B2W, é a área em que as resenhas do produto e opiniões dos clientes são mostradas.

Cada produto terá sua média de estrelas e porcentagem de recomendação daquele produto de acordo com as avaliações recebidas.

Os vendedores não podem ditar quais revisões aparecem nesta seção. Geralmente, estarão ordenadas pelas mais recentes, mas o usuário pode filtrar por mais antigas, positivas e negativas.

Se os clientes perguntam, você deve responder

Talvez a oportunidade de marketing mais subutilizada pelos vendedores é investir em um bom SAC de vendas.

As perguntas enviadas pelos clientes, tenham eles comprado o produto ou não devem ser respondidas. Mas cuidado: monitore a chegada de dúvidas, tenha um responsável por acompanhá-las.

Afinal, o cliente espera uma resposta rápida seja para esclarecer uma dúvida ou resolver um problema (nesse caso, a agilidade precisa ser ainda maior!)

Existem muitos elementos críticos para o sucesso ou o fracasso de um produto nos marketplaces como o da B2w. Sua listagem é certamente importante e seguindo esses passos simples, você está no caminho certo para uma lista otimizada e de alta conversão.

Tirou suas dúvidas sobre como vender na B2W? Gostou das dicas para vender mais? Deixe uma opinião nos comentários.

Sua empresa precisa de capital de giro para fazer novos investimentos? Conheça a estrutura da Gyra+ que realiza financiamentos online para empreendedores digitais.

Em três passos simples você pode ter aquela grana que precisa para investir mais no seu negócio:

  • indique o valor de empréstimo que precisa, em quanto tempo deseja pagar e seu e-mail;
  • conecte sua conta do Mercado Livre;
  • análise realizada e, se aprovado, dinheiro em até 72h na sua conta.

Faça uma avaliação no simulador de empréstimo empresarial e descubra o crédito que cabe no seu negócio.

Deixe um comentário

Você deve estar logado para postar um comentário.