Como divulgar meus produtos do Mercado Livre: 4 estratégias

Como divulgar meus produtos do Mercado Livre: 4 formas de ir além do site

Mercado-Livre

Alguma vez você já se perguntou: tem como divulgar meus produtos do Mercado Livre fora do site?

Dentro do Mercado Livre, vendedores podem criar anúncios e fazer uma série de otimizações. Criar títulos e descrições atrativos, caprichar nas fotos, construir uma boa reputação e até usar o Product Ads, plataforma que permite fazer anúncios pagos no próprio site, são algumas possibilidades.

No entanto, destacar-se nesse mar de mais de 60 milhões de anúncios não é fácil. Por isso, anunciantes lançam mão também de estratégias que vão além do site, atraindo tráfego e vendas a partir de outros canais. Neste post, você aprenderá a divulgar produtos do Mercado Livre usando 4 estratégias: Marketing de Conteúdo, redes sociais, email marketing e Google Ads.

Confira!

4 estratégias de como divulgar meus produtos do Mercado Livre

1. Invista em Marketing de Conteúdo

Quem não gostaria de fechar vendas sem ser inconveniente, não é? Você sabia que existe uma maneira de fazer isso usando bons conteúdos?

Se você vende na internet, certamente já ouviu falar em Marketing de Conteúdo. A estratégia consiste em informar as pessoas com conteúdos relevantes para elas, de modo que vejam sua loja como referência e sejam atraídas de forma espontânea. 

Isso acontece, por exemplo, quando seu público-alvo digita uma dúvida e encontra seu post de blog ou vídeo do YouTube nos resultados, pronto para ajudar. É uma forma menos invasiva de divulgar seus produtos e serviços!

O Marketing de Conteúdo é uma das estratégias que compõem o Inbound Marketing. O Inbound, por sua vez, faz um contraponto ao Outbound Marketing, uma maneira mais tradicional e impositiva de vender.

Certo, e como colocar o Marketing de Conteúdo em prática para atrair mais tráfego para seus anúncios do Mercado Livre e vender muito? Estes são formatos comuns:

  • Blogposts: um blogpost é um artigo como este que você está lendo. Ele contém informações úteis e permite que sua loja seja encontrada pelos buscadores. Se você vende, digamos, tênis de corrida, uma ideia seria dar dicas dos tipos de calçado mais adequado para cada esporte.
  • Vídeos: conteúdos em vídeo são bastante atrativos. Um bom formato é o de demonstração do seu produto, assim como o de tutorial. E o melhor é que ele pode ser aproveitado também para inserção dentro do anúncio no Mercado Livre.

Mas não se esqueça: para serem encontrados, seus conteúdos precisam estar bem otimizados para os mecanismos de busca. Isso se faz por meio de técnicas de SEO, escolhendo uma palavra-chave e incluindo-a ao longo do conteúdo.

Para outras dicas, recomendamos a leitura do post 15 exemplos de produção de conteúdo para sites e blogs.

2. Faça email marketing

Você sabia que mais da metade da população mundial usou e-mail em 2018 e que mais de 95% dos usuários conferem a caixa de entrada diariamente? Dados como esse mostram que sua loja perde uma oportunidade de ficar próxima dos clientes caso ainda não faça marketing por email.

O Mercado Livre não fornece o email dos compradores. Mas é possível pedir os endereços no pós-venda, por meio das mensagens. Você também pode usar seus outros canais, como o blog e as redes sociais, para pedir que seu público se inscreva para receber as mensagens. 

Se quiser profissionalizar suas mensagens, o melhor é usar uma ferramenta de automação de email, que permite fazer disparos em massa e para diferentes listas. Mas fique atento às boas práticas: envie mensagens interessantes e somente para quem aceitou recebê-las. Assim você evita de ir parar na caixa de spam.

3. Use as redes sociais

As redes sociais são um ótimo canal para atrair os usuários de outras plataformas que não estão o Mercado Livre para os seus anúncios. Que tal criar um perfil em redes sociais como Facebook e Instagram para divulgar os seus produtos? Se você investe em Marketing de Conteúdo, primeira dica deste post, divulgar seus materiais nas redes sociais também é uma boa ideia.

Outra possibilidade interessante das redes sociais são os anúncios pagos. No Facebook, é possível fazer anúncios segmentados gastando pouco. É só criar uma página, iniciar uma campanha, escolher o objetivo, o tipo de anúncio e o local de exibição. E o melhor é que a conta criada para anunciar na rede social serve também para anunciar no Instagram.

O Instagram, aliás, é uma das melhores redes sociais para pequenos comerciantes atualmente. Isso porque a rede social ultrapassou o Facebook em número de vendas. No último trimestre de 2018, quase 70% das vendas feitas por redes sociais tiveram origem no Instagram, enquanto só 27% vieram do Facebook, de acordo com um levantamento da Nuvem Shop.

Com apelo visual, a dica para se dar bem no Instagram é investir em fotos de boa qualidade. Além disso, aproveitar as possibilidades de anúncios na rede social, como a ferramenta que permite adicionar um link para o produto em cima da própria foto facilitam que o usuário vá do aplicativo direto para o seu anúncio, por exemplo.

Para saber mais sobre isso, recomendamos a leitura do post Como anunciar no Facebook Ads: o que você (realmente) precisa saber para começar.

4. Anuncie no Google Ads

O Google Ads, antes Google AdWords, é uma das maneiras mais rápidas de atrair tráfego e vender mais no Mercado Livre. No Ads, você decide onde seus anúncios serão exibidos. 

Os dois principais formatos são:

  • Rede de Pesquisa: são os anúncios que aparecem junto com os resultados de busca, de acordo com a palavra-chave pesquisada. Ficam no começo e no fim da página de resultados com um aviso que diz “Anúncio”. Você só paga quando alguém clicar no anúncio.
  • Rede de Display: nesse formato é possível exibir seus anúncios em outros sites, como em portais de notícias. Há diversos formatos, como texto, banner e Gmail.

Além dos resultados rápidos, outra vantagem do Google Ads é a possibilidade de integrá-lo ao Google Analytics para obter dados valiosos sobre como estão as suas campanhas e fazer melhorias. 

Dica extra: amplie a sua capacidade de investimento

Contar apenas com seus lucros para investir em mais produtos pode limitar os seus negócios. O melhor é contar com capital de giro e empréstimos para ampliar sua capacidade de investimento. Assim, você consegue comprar estoque, investir e financiar seus próximos passos.

Por isso, uma dica extra para você que está buscando como vender muito no Mercado Livre é: conheça a Gyra+, plataforma de empréstimos voltada para empresas da nova era digital.

Fazer seu pedido é muito simples. É só acessar a plataforma, conecta sua conta do Mercado Livre e, se nossa equipe aprovar seu empréstimo, o dinheiro estará em sua conta no banco em até 72 horas.

Você só precisa seguir 3 passos simples para ter aquela grana que precisa para investir mais no seu negócio:

  • Indique o valor de empréstimo que precisa, em quanto tempo deseja pagar e seu email – antes desse passo aprenda como calcular o capital de giro da empresa, será ideal para você.
  • Conecte sua conta do Mercado Livre
  • Análise realizada e, se aprovado, dinheiro em até 72h na sua conta

Veja mais sobre como funciona a nossa plataforma no vídeo abaixo:

Acesse nosso site, siga nossas orientações e aproveite o melhor de uma plataforma 100% segura.